Notícias Esporte Você Comunidade

DIEESE

Preço do caranguejo teve reajuste de 10,37%

Pará
Publicidade

Segunda-feira, 28/10/2013, 07h51

Avanço de sinal é campeão de multas

Tamanho da fonte:

No meio do engarrafamento cotidiano da avenida Almirante Barroso ainda nas primeiras horas do dia, uma das mãos segue no volante e a outra se empenha em comandar o celular. Encoberto sob a escura película aplicada no vidro da janela, a cabeça baixa, o olhar desvia do trânsito para o aparelho, a atenção é dividida e, sem que seja necessário procurar muito, uma das infrações de trânsito mais comuns em Belém é percebida.

De acordo com dados da própria Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB), de janeiro a julho deste ano, já foram contabilizadas 9.069 multas por dirigir veículo utilizando-se de telefone celular. Apesar do número significativo, a infração, facilmente observada nas ruas, não é a mais registrada pela superintendência. Campeã com folga dentre as cinco infrações mais comuns, o avanço do sinal vermelho foi responsável por gerar, no primeiro semestre do ano, 18.499 multas, o correspondente a média de 87.2 multas por dia, se considerados os 212 dias de janeiro a julho deste ano.

Com os pés firmes na calçada mesmo após a ‘autorização’ do semáforo, a técnica de enfermagem Auricélia Silva redobra a atenção sempre. “Eu não confio não. Eu só atravesso depois que todos os carros param, mesmo que o sinal já esteja vermelho”, garante. “É muito comum ver motorista furando sinal vermelho. Ficamos até com receio de atravessar. Até quando o sinal está vermelho a gente tem que atravessar olhando pros carros porque eles furam mesmo!”.

Ainda que a especialidade não esteja relacionada ao trânsito, o cotidiano faz com que Auricélia sugerisse, de pronto, soluções para o problema. “Tem que ter fiscalização. Não digo nem que a solução seja só a multa. É preciso investir em prevenção”, acredita. “É preciso que se faça campanhas, que coloque mais gente nos sinais pra ensinar pros motoristas. O que tem que ter é educação no trânsito”.

Também insegura, a secretária Ana Tereza confirma os registros feitos pelo órgão de fiscalização do trânsito. “É comum! O que mais a gente vê é carro passando no sinal vermelho”, afirma. “À noite então fica bem pior porque as pessoas ainda têm medo de assalto. Aí é que avançam o sinal mesmo”.

Estacionamento

Aos 71 anos, o aposentado Gilberto Veloso padece toda vez que precisa desviar de um carro estacionado na calçada. “É muito complicado. Os carros ficam sem ter onde estacionar e acabam ficando na calçada”, considera. “Aí a situação se inverte. Eles vão pras calçadas e a gente, que é pedestre, é que tem que ir pra rua. É muito complicado principalmente pra gente que já tem uma certa idade”.

Com mais de trinta tipos de multas relacionadas a estacionamento em local indevido, a infração é que ficaria no topo da lista apresentada pela SeMOB. Desmembradas, porém, o estacionamento em local proibido especificamente pela sinalização é a que mais se destaca, com 6.634 multas aplicadas em sete meses. “Os órgãos que tratam disso têm que fiscalizar melhor porque, se não, vamos para aonde?”.

Em nota, a Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (SeMOB) informou que “a educação no trânsito tem sido uma importante frente de trabalho na conscientização dos motoristas para que as infrações sejam evitadas e a segurança na via seja estabelecida” e que “as ações da coordenadoria de educação no trânsito tem levado para as ruas da cidade campanhas que atingem diretamente as filas duplas, o fechamento do cruzamento, o respeito aos pedestres e aos ciclistas, o uso de equipamento de segurança no caso dos ciclistas e motociclistas”.

Infrações

1 - Avançar sinal vermelho do semáforo – 18.499 multas

2 - Dirigir veículo utilizando-se de telefone celular – 9.069 multas

3 - Conduzir motocicleta, motoneta, ciclomotor sem capacete de segurança – 9.035 multas

4 - Estacionar em local proibido especificamente pela sinalização – 6.634 multas

5 - Conduzir motoneta, ciclomotor transportando passageiro sem capacete – 6.251 multas

Fonte: Semob

(Diário do Pará)

Siga-me

Lojas do Tem! (Classificados)


IT Center
Shopping Pátio Belém - 2o piso
Shopping Castanheira - 1o piso
Gaspar Viana, nº 778
Yamada Plaza (Av. Gov. José Malcher)
Yamada Plaza (Castanhal)
Formosa Duque (Subsolo)
Formosa Cidade Nova (Subsolo)
RBA - Av. Almirante Barroso, 2190


Call Center Tem! (Classificados)
(91) 4006-8000

Fale Conosco

(91) 3084-0100

Central do Assinante

(91) 4006-8000

Endereço

Av. Almirante Barroso, 2190
CEP 66095.000 - Belém-PA

Redação


(91) 3084-0119
(91) 3084-0120
(91) 3084-0126
(91) 3084-0100

Ramais: 0209, 0210 e 0211

Twitter