Notícias Esporte Você Comunidade

POLIO E SARAMPO

Pará não atingiu meta de vacinação

Pará
Publicidade

Sexta-feira, 16/10/2009, 17h18

HIV: casa de acolhimento a portadores é reformada

Tamanho da fonte:

A missão da Unidade de Acolhimento Temporário (UAT), da Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sespa) é acolher temporariamente portadores do vírus HIV e doentes de Aids que não residem em Belém. A unidade recebe, também, pessoas oriundas do interior do estado enquanto aguardam pelo diagnóstico da doença na capital paraense - município que possui a única unidade de referência para o tratamento da doença no Pará.

A unidade desenvolve ainda ações de saúde e serviços para a melhoria da qualidade de vida dos portadores de HIV e Aids que residem em Belém e no interior do Pará, que necessitam de atendimento especializado. São ofertados serviços de enfermagem, assistência social, psicologia, nutrição e farmácia.

A demanda da unidade é referenciada pelas instituições que prestam assistência às pessoas que convivem com HIV e Aids - Unidade de Referência Especializada em Doenças Infecciosas e Parasitárias Especiais (Uredipe); Unidade de Referência Especializada Materno Infantil (Uremia); Hospital Universitário João de Barros Barreto (HUJBB) e do Centro de Testagem e Aconselhamento (CTA).

Só existem dois locais no Estado que oferecem esse tipo de tratamento especializado para portadores de HIV e Aids: a UAT e a Casa Pará Vida. A UAT funciona desde 2001, porém, somente agora começou a receber um recurso de que fazia jus, desde 2005, para manter seu funcionamento. A unidade agora está sendo completamente financiada por recursos estaduais, mesmo o serviço sendo de responsabilidade do município de Belém.

Nesta sexta-feira (16), a secretária de Estado de Saúde Pública, Sílvia Comarú, esteve na unidade para fazer a reinauguração de suas instalações, que foram reformadas pela Sespa, por meio do 1º Centro Regional de Saúde, em parceria com a Coordenação Estadual de Controle do HIV/Aids.

Novos colchões, nova pintura e uma reforma no telhado da unidade foram feitos para garantir aos usuários do serviço e seus familiares uma maior qualidade de vida durante o tempo que estiverem no local. "É como se esse lugar fosse a segunda casa deles", explica a assistente social e diretora da unidade, Rilene Guadalupe. Ela conta ainda que os seus serviços estão sendo todos informatizados.

Os pacientes do interior do Estado passam, no máximo, cinco dias na unidade cada vez que vêm para a capital. A capacidade de atendimento da UAT atualmente é de 21 usuários simultaneamente, sendo que possui oito leitos para mulheres, oito para homens, dois leitos infantis e três poltronas para acompanhantes. Os leitos são divididos em três quartos. Cada quarto possui um banheiro exclusivo. A unidade possui ainda um refeitório e área de convivência, consultórios, farmácia, copa e uma lavanderia.

Para Enock da Silva Santos, funcionário da unidade há um ano, é muito bom trabalhar num local como a unidade de acolhimento temporário. Ele diz que está ali, assim como os colegas, para oferecer o melhor serviço ao usuário. "As melhorias que foram feitas são melhorias para os usuários e para nós também", diz.

Para o coordenador estadual de DST e Aids da Sespa, Lourival Marsola, a unidade é um exemplo de como o paciente portador do HIV deve ser tratado. "Com conforto, de forma humanizada, fazendo cinco refeições diárias enquanto aguarda sua recuperação ou enquanto espera por um exame". Segundo Lourival, o paciente de HIV deve conviver e viver com qualidade, mesmo sendo portador da doença.

A secretária Sílvia Comarú reafirmou a fala do coordenador, lembrando que a "UAT não é apenas uma casa de saúde, mas, sim, um local de atenção multisetorial e de convívio social para os pacientes de HIV/Aids. Ela disse também que fazer saúde é cuidar do ser humano como um todo, oferecendo a ele um ambiente acolhedor para que ele se sinta bem".

Sílvia Comarú firmou ainda o compromisso de criar um espaço de brincadeiras para as crianças que frequentam a unidade. "Até o Natal, vamos fazer uma brinquedoteca para as crianças que passam pela unidade", adiantou. (Agência Pará)

Comentários Recentes

  • J. Mota disse: Comentário postado em 16/10 Sexta-feira às 19:27h "Parabéns ao governo do Estado, aos gestores que tomaram esta iniciativa, aos trabalhadores que batalham todos os dias por um atendimento humanizado ao usuário do SUS e aos movimentos sociais HIV/AIDS que tem conquistado muitas vitórias como esta.
    "
Mostrar mais comentários [+]
Siga-me

Lojas do Tem! (Classificados)


IT Center
Shopping Pátio Belém - 2o piso
Shopping Castanheira - 1o piso
Gaspar Viana, nº 778
Yamada Plaza (Av. Gov. José Malcher)
Yamada Plaza (Castanhal)
Formosa Duque (Subsolo)
Formosa Cidade Nova (Subsolo)
RBA - Av. Almirante Barroso, 2190


Call Center Tem! (Classificados)
(91) 4006-8000

Fale Conosco

(91) 3084-0100

Central do Assinante

(91) 4006-8000

Endereço

Av. Almirante Barroso, 2190
CEP 66095.000 - Belém-PA

Redação


(91) 3084-0119
(91) 3084-0120
(91) 3084-0126
(91) 3084-0100

Ramais: 0209, 0210 e 0211

Twitter