Notícias Esporte Você Comunidade

POLIO E SARAMPO

Pará não atingiu meta de vacinação

Pará
Publicidade

Quinta-feira, 01/04/2010, 09h03

Vale inicia as obras de siderúrgica em Marabá

Tamanho da fonte:

presidente da Vale, Roger Agnelli, reforçou o interesse da empresa em ampliar investimentos no Pará

O presidente da Vale S.A., Roger Agnelli, deu ontem, em visita de trabalho ao município de Marabá, sinal verde para o início imediato das obras de implantação da siderúrgica Aços Laminados do Pará (Alpa), em área do Distrito Industrial daquele município. Roger esteve em Marabá para receber, das mãos da governadora Ana Júlia Carepa, a licença prévia do empreendimento. A licença foi expedida pela Secretaria de Estado de Meio Ambiente (Semma) depois de aprovada pelo Conselho Estadual do Meio Ambiente, o Coema.

A Aços Laminados do Pará, a ser implantada à margem da rodovia Transamazônica, a 14 km da sede do município, vai mobilizar investimentos de R$ 5,2 bilhões. Ela tem capacidade inicial de produção de dois milhões de toneladas métricas de aços semiacabados (placas) e 500 mil toneladas de aços laminados (bobinas a quente e chapas grossas) por ano, podendo ser ampliada a qualquer tempo para cinco milhões de toneladas.

A siderúrgica da Vale trará vantagens competitivas para o Estado, uma vez que agregará valor ao minério de ferro extraído das minas de Carajás, no município de Parauapebas. A direção da Vale estima que o empreendimento vai gerar, na região, 16 mil empregos durante a implantação e mais de 5.300 diretos, entre próprios e terceirizados, na fase de operação. A mineradora calcula que serão gerados ainda, em caráter permanente, mais de 16 mil novos postos de trabalho indiretos, dado o efeito multiplicador da atividade siderúrgica e as inúmeras possibilidades de novos negócios que ela vai propiciar em toda a região.

O presidente da Vale, Roger Agnelli, chamou ontem a atenção para essa característica da siderúrgica e previu que várias outras indústrias deverão se instalar no entorno da Alpa. E para isso, conforme frisou, será indispensável o empenho de todos – Vale, governo federal, governo estadual, investidores, prefeituras e sociedade. “Juntos, nós vamos fazer dessa região do Pará uma das regiões mais ricas e desenvolvidas do Brasil”, disse ele, referindo-se ao sul e sudeste do Estado.

Roger Agnelli afirmou que, também para a mineradora, a data de ontem foi muito especial, porque ela veio coroar uma parceria bem sucedida. Ele lembrou que, quando assumiu a presidência da empresa, a Vale mantinha com o Estado uma relação por vezes tensa e complicada. Desde o início, conforme acentuou, vem procurando melhorar esse relacionamento. “E isso só aconteceu depois de um diálogo franco, de uma conversa aberta”, aduziu.

Da solenidade realizada ontem em Marabá, participaram cerca de duas mil pessoas. Além de Roger Agnelli e da governadora Ana Júlia, estiveram presentes os deputados federais Asdrúbal Bentes, Paulo Rocha, Gerson Peres e Zé Geraldo, os deputados estaduais Valdir Ganzer, Gabriel Guerreiro, Bernadete ten Caten e João Salame, além de grande número de prefeitos, vereadores e lideranças políticas da região.

A classe empresarial do Pará também se fez representar pelo presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado (Faepa), Carlos Fernandes Xavier, pelo presidente da Federação das Indústrias, José Conrado Azevedo Santos, e pelo presidente da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Pará (Faciapa), Reginaldo Ferreira. Também prestigiaram o evento o empresário Lutfala Bitar, diretor da Associação Comercial do Pará, e o jornalista Jader Barbalho Filho, diretor presidente do DIÁRIO DO PARÁ. (Diário do Pará)

Comentários Recentes

  • Fernando Augusto Ribeiro da Conceição disse: Comentário postado em 28/07 Quarta-feira às 21:37h "A noticia sobre a liberação das obras veio em boa hora,pois sou Técnico em Segurança no Trabalho,e isso me motivou bastante afinal estou desempregado e gostari de saber qual é o site que se possa mandar o meu curriculum para as Empresas que irão se instalar por ai."
  • Armando Malato disse: Comentário postado em 01/04 Quinta-feira às 21:11h "Neste momento, me congratulo com o povo marabaense, por tão nobre vitória alcançada com o advento deste empreendimento, que,com certeza absoluta, trará um enorme desenvimento, não só para o municipio, como para todo o Estado, ao se antever a grande geração de empregos e coleta de impostos para a região.
    Pelo fato, só me resta parabenizar o Municipio de Marabá, e ao mesmo tempo "torcer", para que esta obra seja instalada o mais breve possivel, já que o municipio detêm a matéria prima necessária à mão, para a realização deste sonho. PARABENS MARABÁ."
  • Celso disse: Comentário postado em 01/04 Quinta-feira às 19:40h "O índice de desemprego em Minas Gerais vai diminuir com este empreendimento em Marabá, pois a Vale só contrata gente de lá para os bons cargos e bons salários. Para os paraenses e maranhenses ficará o salário de fome que a Vale paga para o pessoal "chão de fábrica". Desafio alguém que saiba de pelo menos 1 paraense gerente ou diretor de alguma coisa nas empresas do grupo!!!!! (são extremamente raras as exceções)"
  • marinaldo disse: Comentário postado em 01/04 Quinta-feira às 18:54h "Á governadora Ana Júlia so teve 4 anos para conseguir a inplantação deste enpreendimento pela vale en nosso estado,e conseguil com muito esforço,enquanto outros passaram 12 anos,e não fizeram nada,e ainda querem mais 4,pra que,nossos deputados só tém e que se unir e evitar a divisão do nosso estado,nosso estado e rico não presisa ser dividido,e sim de investimento em educação,segurança,saúde e além de tudo postos de trabalho para o povo deste estado."
  • Fernando disse: Comentário postado em 01/04 Quinta-feira às 14:46h "Que bom que o Pará realizou mais essa conquista e tudo corre as mil maravilhas com a expectativa de geração de empregos no estado, mas vamos ver se vai ser assim mesmo ou se dos 5.300 empregos citados, apenas um terço será destinado à nossa terrinha e´para os grandes cargos já tem teus escolhidos."
Mostrar mais comentários [+]
Siga-me

Lojas do Tem! (Classificados)


IT Center
Shopping Pátio Belém - 2o piso
Shopping Castanheira - 1o piso
Gaspar Viana, nº 778
Yamada Plaza (Av. Gov. José Malcher)
Yamada Plaza (Castanhal)
Formosa Duque (Subsolo)
Formosa Cidade Nova (Subsolo)
RBA - Av. Almirante Barroso, 2190


Call Center Tem! (Classificados)
(91) 4006-8000

Fale Conosco

(91) 3084-0100

Central do Assinante

(91) 4006-8000

Endereço

Av. Almirante Barroso, 2190
CEP 66095.000 - Belém-PA

Redação


(91) 3084-0119
(91) 3084-0120
(91) 3084-0126
(91) 3084-0100

Ramais: 0209, 0210 e 0211

Twitter